Prêmios

FESTIVAL DE BRASÍLIA ANUNCIA OS VENCEDORES DA 50ª EDIÇÃO

PRÊMIOS OFICIAIS

Troféu Candango – Longa-metragem:

 

Melhor Filme: Arábia, dirigido por Affonso Uchoa e João Dumans

Melhor Direção: Adirley Queirós por Era uma vez Brasília

Melhor Ator: Aristides de Sousa por Arábia

Melhor Atriz: Valdinéia Soriano por Café com canela

Melhor Ator Coadjuvante: Alexandre Sena por Nó do Diabo

Melhor Atriz Coadjuvante: Jai Baptista por Vazante

Melhor Roteiro: Melhor Roteiro: Ary Rosa por Café com canela

Melhor Fotografia: Joana Pimenta por Era uma vez Brasília

Melhor Direção de Arte: Valdy Lopes JN por Vazante.

Melhor Trilha Sonora: Francisco Cesar e Cristopher Mack por Arábia

Melhor Som: Guile Martins, Francisco Craesmeyer, Daniel Turini e Fernando Henna por Era uma vez Brasília

Melhor Montagem: Luiz Pretti e Rodrigo Lima por Arábia

Prêmio Especial do Júri: Melhor Ator Social para Emelyn Fischer, por Música para quando as Luzes se apagam

 

Júri Popular – longa-metragem:

Café com canela, dirigido por Ary Rosa e Glenda Nicácio

Prêmio Petrobras de Cinema para o melhor longa-metragem pelo Júri Popular:

Café com canela, dirigido por Ary Rosa e Glenda Nicácio

***********************************************************************

 

PRÊMIOS OFICIAIS – Troféu Candango – Curta-metragem:

 

Melhor Filme: Tentei, dirigido por Laís Melo

Melhor Direção: Irmãos Carvalho por Chico

Melhor Ator: Marcus Curvelo por Mamata

Melhor Atriz: Patricia Saravy por Tentei

Melhor Roteiro: Ananda Radhika por Peripatético

Melhor Fotografia: Renata Corrêa por Tentei

Melhor Direção de Arte: Pedro Franz e Rafael Coutinho por Torre

Melhor Trilha Sonora: Marlon Trindade por Nada

Melhor Som: Gustavo Andrade por Chico

Melhor Montagem: Amanda Devulsky e Marcus Curvelo por Mamata

Prêmio​ ​especial: Peripatético, dirigido por Jéssica Queiroz

Júri Popular – Curta-metragem: Carneiro de ouro, dirigido por Dácia Ibiapina

***********************************************************************

 

OUTROS PRÊMIOS

 

Prêmio Canal Brasil: Chico, dirigido por Irmãos Carvalho

Prêmio Abraccine

Melhor filme de longa-metragem: Arábia, dirigido por Affonso Uchoa e João Dumans

Melhor filme de curta-metragem: Mamata, dirigido por Marcus Curvelo

Prêmio Saruê: Afronte, direção de Marcus Azevedo e Bruno Victor

Prêmio Marco Antônio Guimarães: Construindo pontes, dirigido por Heloísa Passos

Prêmio CiaRio/Naymar

Para o melhor curta pelo Júri Popular: Carneiro de ouro, dirigido por Dácia Ibiapina

***********************************************************************

 

MOSTRA BRASÍLIA – 22º Troféu Câmara Legislativa do Distrito Federal

 

Prêmios do Júri Oficial:

 

Melhor longa-metragem (R$ 100 mil):

O fantástico Patinho Feio, dirigido por Denilson Félix

Melhor curta-metragem (R$ 30 mil):

UrSortudo, dirigido por Januário Jr.

Tekoha – Som da Terra, dirigido por Rodrigo Arajeju e Valdelice Veron

Melhor direção (R$ 12 mil): Dácia Ibiapina, por Carneiro de ouro

Melhor ator (R$ 6 mil): Elder de Paula, por UrSortudo

Melhor atriz (R$ 6 mil): Rafaela Machado, por Menina de barro

Melhor roteiro (R$ 6 mil): Januário Jr., por UrSortudo

Melhor fotografia (R$ 6 mil): Gustavo Serrate, por A margem do universo

Melhor montagem (R$ 6 mil): Lucas Araque, por Afronte

Melhor direção de arte (R$ 6 mil): Bianca Novais, Flora Egécia e Pato Sardá, por O Menino Leão e a Menina Coruja

Melhor edição de som (R$ 6 mil): Maurício Fonteles, por Tekoha – Som da Terra

Melhor trilha sonora (R$ 6 mil): Ramiro Galas, por O vídeo de 6 faces

 

Prêmios do Júri Popular

Melhor longa-metragem (R$ 40 mil): Menina de barro, dirigido por Vinícius Machado

Melhor curta-metragem (R$ 10 mil): O Menino Leão e a Menina Coruja, dirigido por Renan Montenegro

Prêmio Petrobras de Cinema – Para o melhor longa-metragem pelo Júri Popular da Mostra Brasília:

Menina de barro, dirigido por Vinícius Machado

 

Prêmio Plug.in

Para o melhor longa-metragem escolhido pelo Júri Popular da Mostra Brasília:

Menina de barro, dirigido por Vinícius Machado

 

Prêmio ABCV – Associação Brasiliense de Cinema e Vídeo

Marco Curi, Manfredo Caldas e Gerlado Moraes

 

Prêmio CiaRIO

– Melhor longa-metragem escolhido pelo Júri Popular da Mostra Brasília:

Menina de barro, dirigido por Vinícius Machado

– Melhor curta-metragem escolhido pelo Júri Popular da Mostra Brasília:

O Menino Leão e a Menina Coruja, dirigido por Renan Montenegro

***********************************************************************

 

FestUniBrasíla – 1º Festival Universitário de Cinema de Brasília

 

Melhor Filme: O arco do medo, dirigido por Juan Rodrigues (Universidade Federal do Recôncavo Baiano)

Melhor Direção: Fervendo, dirigido por Camila Gregório (Universidade Federal do Recôncavo Baiano)

 

Júri Popular: O Homem que não cabia em Brasília, dirigido por Gustavo Menezes (UnB)

 

Menção Honrosa – Método de construção criativa: Afronte, dirigido por Bruno Victor e Marcus Azevedo (UnB)

Menção honrosa – Fotografia: Gabriela Akashi, por Serenata (USP)

Menção Honrosa – Filme de animação: Mira, dirigido por Janaína da Veiga (Unespar)

Premiações

22º Troféu Câmara Legislativa do Distrito Federal

 

Prêmios do Júri Oficial

Melhor longa-metragem

Melhor curta-metragem

Melhor direção

Melhor ator

Melhor atriz

Melhor roteiro

Melhor fotografia

Melhor montagem

Melhor direção de arte

Melhor edição de som

Melhor trilha sonora

Prêmios do Júri Popular

Para o melhor longa-metragem, no valor de R$ 40 mil.

Para o melhor curta-metragem, no valor de R$ 10 mil.

 

Prêmio Petrobras de Cinema

Para o Longa-metragem vencedor do voto popular, no valor de R$ 100 mil.

Prêmio Plug.in

O melhor longa-metragem escolhido pelo Júri Popular da Mostra Brasília recebe da empresa Estúdio Plug.in 40 horas de serviço de pós-produção de áudio, sendo 20 horas de edição e 20 horas de mixagem.

 

Prêmio ABCV – Associação Brasiliense de Cinema e Vídeo

Troféu conferido pela ABCV – Associação Brasiliense de Cinema e Vídeo a profissional do audiovisual do Distrito Federal.

 

Prêmio CiaRIO

Melhor longa-metragem escolhido pelo Júri Popular do 22º Troféu Câmara Legislativa: prêmio CiaRIO no valor de R$ 20 mil em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria da empresa Naymar;

 

Melhor curta-metragem escolhido pelo Júri Popular do 22º Troféu Câmara Legislativa: prêmio CiaRIO, no valor de R$ 8 mil em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria da empresa Naymar.

PRÊMIOS OFICIAIS
TROFÉU CANDANGO

 

Filme de longa-metragem

Melhor Filme

Melhor Direção

Melhor Ator

Melhor Atriz

Melhor Ator Coadjuvante

Melhor Atriz Coadjuvante

Melhor Roteiro

Melhor Fotografia

Melhor Direção de Arte

Melhor Trilha Sonora

Melhor Som

Melhor Montagem

 

Filme de média ou curta-metragem

Melhor Filme

Melhor Direção

Melhor Ator

Melhor Atriz

Melhor Roteiro

Melhor Fotografia

Melhor Direção de Arte

Melhor Trilha Sonora

Melhor Som

Melhor Montagem

 

Júri Popular

Prêmio Petrobras de Cinema
Para o melhor longa-metragem no valor de R$ 200 mil

Premio Estímulo ao Curta-Metragem
Prêmio de R$ 40 mil, oferecido pela Secretaria de Estado de Cultura do Distrito Federal para o curta-metragem vencedor do voto popular na mostra competitiva nacional. O prêmio deverá ser convertido em serviços para produção de nova obra cinematográfica do diretor contemplado.

OUTROS PRÊMIOS

 

Prêmio Canal Brasil

Cessão de um Prêmio de Aquisição no valor de R$ 15 mil e o troféu Canal Brasil, ao Melhor Filme de curta-metragem selecionado pelo júri Canal Brasil

 

Prêmio Abraccine

Atribuído e organizado pela Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema)

Melhor Filme de longa-metragem

Melhor Filme de curta-metragem

 

Prêmio Saruê

Conferido pela equipe de cultura do jornal Correio Braziliense

 

Marco Antônio Guimarães

Conferido pelo Centro de Pesquisadores do Cinema Brasileiro para o filme que melhor utilizar material de pesquisa cinematográfica brasileira

 

Prêmio Conterrâneos

Troféu oferecido pela Fundação CineMemória

Melhor Documentário do Festival

 

CiaRio/Naymar

Para o melhor cura pelo Júri Popular: R$ 10 mil em locação de equipamento de iluminiação, acessório e maquinário

 

 

 

 

 

 

Em 2017, reforçamos nosso apoio à cultura com o lançamento do Prêmio Petrobras de Cinema, e inauguramos na celebrada edição do 50º  Festival de Brasília do Cinema Brasileiro.

O Prêmio contemplará os melhores filmes de longas- metragens eleitos pelo Júri Popular, através do aplicativo do Festival, com contratos para distribuição comercial em salas de cinema.

O Prêmio de R$ 200 mil vai contemplar a distribuição do filme em pelo menos 15 salas e 5 praças ao longo dos primeiros 90 dias de lançamento comercial. Já o prêmio de R$ 100 mil vai garantir a distribuição em pelo menos 10 salas e três praças ao longo dos primeiros 90 dias de lançamento comercial.

Votação do júri popular

O 50º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro chegou cheio de novidades.

Este ano, a votação do júri popular acontece pelo celular. E os grandes vencedores recebem o prêmio Petrobras de Cinema.

Para votar, baixe o aplicativo Festival de Brasília gratuitamente pela App Store ou Google Play.

A nota é dada em estrelas e você pode votar até 4 horas após o início da sessão, com controle de georeferenciamento (controle por raio de 400 metros do local de exibição).

Fale conosco

Ente em contato com o festival.

Enviando

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?