Atividades Formativas - Painéis Setoriais

Release

O atual cenário de um dos setores estratégicos do audiovisual brasileiro aponta para a necessidade de formulação de meios que garantam a realização regular dos eventos.

 

Responsáveis por atrair um público de 2,5 milhões de espectadores/ano e cumprir um importante papel de difusão, formação de público, capacitação, estímulo ao surgimento de novos talentos, incremento à produção e ações de mercado, os festivais de cinema buscam encontrar caminhos que garantam a viabilização dos eventos de forma continuada e sustentável.

Release

A 51ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro e o Centro de Pesquisadores do Cinema Brasileiro (CPCB) – em sua 40ª edição no evento – prestarão uma homenagem especial para o casal Lucy Barreto e Luiz Carlos Barreto, dois de nossos maiores produtores, lembrando a contribuição de ambos para o patamar que nosso cinema tem hoje na produção de títulos memoráveis como “Memórias do Cárcere”, de Nelson Pereira dos Santos, “Dona Flor e seus Dois Maridos”, de Bruno Barreto e “Bye Bye Brasil”, de Cacá Diegues, entre dezenas de outros.

 

Além de produtor, Barreto é também Fotógrafo, Roteirista e Diretor, tendo assinado a fotografia de “Vidas Secas”, de Nelson Pereira dos Santos e “Terra em Transe”, de Glauber Rocha; a direção de “Isto é Pelé”; e o roteiro de “Casa de Areia”, de Andrucha Waddington e “O Assalto ao Trem Pagador”, de Roberto Farias.

 

O Painel em homenagem a Lucy e Luiz Carlos – com o lema “A Preservação começa na Produção” – contará, além dos homenageados, com a participação de Marília Franco, Vice-Presidente do CPCB e de Antonio Laurindo Santos Neto, Coordenador de Documentos Audiovisuais e Cartográficos do Arquivo Nacional.

 

Neste ano, também terá continuidade a concessão do “Prêmio Marco Antonio Guimarães”, criado pelo CPCB e que está em sua 22ª edição. O Prêmio, cujo júri será presidido por Marília Franco e contará, entre seus integrantes, com Antonio Laurindo Santos Neto, será entregue na Noite de Premiação do Festival para os realizadores do “filme que melhor utilizar material de pesquisa sobre o cinema brasileiro”.